SESC VERÃO

All
Clínicas Esportivas, Eventos, Notícias

Federações de Goalpost realizam clínica esportiva no Colégio Ribeiro Marques

Ribeiro Marques IMG_2659Diretores demonstraram a modalidade para alunos de todas as turmas do colégio e atraiu mais admiradores para o football goalpost

Membros das federações alagoana e brasileira estiveram presentes nesta quinta (05) no Colégio Ribeiro Marques, em Maceió, a fim de apresentarem mais uma etapa das atividades que vêm massificando o football goalpost nas escolas: as clínicas esportivas.

Alunos das turmas da manhã e tarde conheceram o football goalpost não apenas em teoria, mas também na prática, o que gerou nos mesmos um entusiasmo para que os diretores deem continuidade aos trabalhos da modalidade na já supracitada escola.

Para o professor de Educação Física, Josenildo Cabral, a modalidade conseguiu inserir pontos positivos no processo de relacionamento entre vários aspectos internos da escola.

Após a inserção da modalidade no colégio, o processo disciplinar inserido no football goalpost contribuiu e muito com o respeito dos alunos durante os jogos, além de fazer uma junção da relação sócio-afetiva entre alunos, professores, pais e tenho certeza que só temos a agregar com a modalidade num todo”, comentou Josenildo.

 

Share
Entrevistas

Presidente Alessandro Tenório participa do “Frente a Frente” com Goretti Lima

Alessandro Frente a Frente Goretti Lima2Presidente destacou os principais pontos de sucesso do football goalpost e um pouco sobre o planejamento para 2019

O presidente da Confederação Brasileira de Football Goalpost e fundador da modalidade, professor Alessandro Tenório, esteve nos estúdios da TV Assembleia, mais precisamente no programa Frente a Frente ao vivo com a inteligentíssima apresentadora e uma das melhores comunicadoras de Alagoas, Goretti Lima.

Durante os mais de 35 minutos de programa, Alessandro destacou os principais pontos do football goalpost, além de apresentar algumas estratégias que serão adotadas já no ano de 2019. Goretti Lima realizou perguntas que valorizaram e muito a presença do mandatário brasileiro, enaltecendo e questionando praticamente tudo que fosse possível e que facilitasse o entendimento dos internautas e telespectadores.

Com a entrada dos Estados Unidos no football goalpost, a internacionalização será muito mais rápida, porque estamos criando a Federação Internacional de Football Goalpost, o que viabilizará ainda mais as entradas de países como Argentina, Paraguai, Espanha, País de Gales, Estônia, Canadá, lugares estes que já estão sendo sondados para interagirem com a modalidade”, comentou o presidente.

Confira a entrevista na íntegra:

 

Share
Entrevistas

Diretores participam do Canal Esportes e falam sobre projetos para 2020

O presidente nacional e o vice presidente estadual estiveram ao vivo no programa Canal Esportes para falar sobre os principais projetos de 2020

O canal 25 da NET tem em sua grade de atrações o programa Canal Esportes. Apresentado por um dos grandes nomes do jornalismo alagoano, Alexandre Lino, contou nesta semana com a presença do presidente da Confederação Brasileira de Football Goalpost, Alessandro Tenório, além do vice presidente da Federação Alagoana de Football Goalpost, Alex Amorim.

Falando pela primeira vez sobre a modalidade, o vice presidente estadual fez bonito. Abrindo espaço para falar acerca do conceito da modalidade, Amorim destacou também quais serão as principais atividades da federação alagoana para 2020. Confira a entrevista na íntegra:

Share
Brasil, Copa SESC, Eventos, Federação Alagoana, Federações

Diretores das federações alagoana e brasileira analisam 1º dia de beach goalpost

Diretoria CBFGoalpost BeachDiretores da CBFG e FAFG ficaram satisfeitos com primeiro dia de competições

Os diretores da Confederação Brasileira de Football Goalpost e Federação Alagoana de Football Goalpost ficaram bastante satisfeitos com os resultados obtidos no primeiro dia de competições.

Para o vice presidente nacional, Luciano Mota, um dos diretores mais influentes do projeto, os objetivos estão um a um sendo conquistados e o trabalho da diretoria tem sido um fator determinante para que o projeto se consagre no cenário nacional.

Uma competição desta magnitude com duas arenas demanda muita responsabilidade, mas conseguimos honrar os trabalhos e fazer acontecer. As equipes surpreenderam com jogos que envolveram qualidade, eficiência, rápida adaptação e muito entusiasmo. Foi um ponto a mais e o reconhecimento vem surgindo a cada dia que se passa” comentou Luciano Mota.

“Aproveitaremos os poucos erros e evoluiremos para que possamos aprimorar ainda mais os resultados das competições. Os resultados continuarão chegando, pois os trabalhos jamais cessar-se-ão”, finalizou Luciano.

Veja também:

Para o presidente da Confederação Brasileira de Football Goalpost, Alessandro Tenório, é tempo de comemorar, mas também de continuar trabalhando sério para que se possa chegar à excelência.

Reunimos algumas pessoas que, diante de seus esforços estão fazendo uma grande diferença. Parabenizo a diretoria, organização, atletas, equipes, treinadores, apoiadores e patrocinadores que acreditaram no processo. Isto muito nos motiva a continuar trabalhando duro para que mais e mais coisas aconteçam”, destacou Alessandro Tenório.

A segunda etapa do evento contará com equipes do profissional masculino e master, sendo o último, uma estreia no mundo do football goalpost.

Share
Informativos

Football Goalpost: esporte que fortalece ética e disciplina

FFootball Goalpost Disciplina Éticaootball Goalpost é o único esporte coletivo onde a regra não permite falar palavrões e os resultados nas competições têm sido surpreendentes

Um esporte anti-palavrões

O football goalpost é uma modalidade esportiva que mescla, não apenas características de alguns esportes, tais como voleibol (por causa do sistema de sets), handebol (pelo posicionamento do pé na linha durante as cobranças) e o futsal por se jogar em quadra, mas também mescla noções de cidadania, ética e disciplina fazendo parte das regras do jogo.

Isto por que, diante das competições realizadas, nos mais de 500 jogos realizados pelas federações, o índice de palavrões beirou os 0%. Isto mesmo que você leu: quase zero porcento. Contabilizados em todas as competições (são feitas anotações nas súmulas), a quantidade de palavrões proferidos não chegou a sequer 10 repetições, um avanço altamente surpreendente na mudança de hábitos entre os atletas.

Um dos reais motivos é que, nas regras, é proibido falar qualquer palavrão, seja os atletas ou comissões técnicas. Nisto, o atleta poderá ser punido com advertência verbal, com cartão amarelo e, até mesmo, vermelho, a depender da interpretação do árbitro da partida. E convém que ninguém quer prejudicar seu time por causa de um mero desrespeito a si ou aos outros, não é?

Discursos pejorativos também são proibidos no Football Goalpost

Outra condição importante é garantir que, tanto atletas do mesmo time, quanto atletas adversários não podem usar palavras que denigram a imagem dos mesmos, seja por situações que envolvam palavras homofóbicas, racistas, de cunho religioso ou quaisquer condições que atinjam a moral dos atletas, árbitros, comissões técnicas, mesários, organizadores ou demais envolvidos nas competições.

Ainda não possui a modalidade em sua cidade? Entre em contato com nossa federação e nos ajude a levar o football goalpost para sua região.

Share
Brasil, Copa SESC, Eventos, Federação Alagoana, Notícias

Durante cerimônia de premiação, Atlas Recife surpreende no Sesc Verão 2020

Atlas Recife vice campeões 2495A equipe comandada pelo capitão Renan, um dos craques do time, fez com que atletas, plateia, comissões técnicas e organização os aplaudissem pelo nobre gesto

A equipe do Atlas Recife foi uma das grandes protagonistas da II Copa SESC Verão de Beach Goalpost 2020. Mostrando que tinha méritos para ser considerada uma das favoritas ao título, a equipe fez jus ao favoritismo tendo chegado à grande final para jogar contra outro grande e inesperado favorito: o Africa United.

Os detalhes desta grande final você encontra aqui:

 

Após um jogo onde qualquer dos finalistas poderia sair vitorioso, o Atlas Recife acabou sendo derrotado, mas manteve-se de pé, vendendo caro a derrota e jogando de igual para igual contra um time africano com um forte esquema de marcação, jogo este em que os pequenos detalhes fizeram a diferença em favor do time comandado por Tomás Soque, capitão e defensor do Africa United.

No final, como forma de reconhecimento pelo mérito do adversário e em respeito ao resultado, os jogadores do Atlas Recife abriram um corredor humano para abrir passagem para os campeões do Africa United, o que refletiu numa calorosa salva de palmas para os atletas por este belo ato no esporte. Iniciado pelo capitão do time, Renan, Kleytinho, Ariel, Renato e Rosenildo formaram o corredor, o que também foi bastante apreciado pelos africanos que também retribuíram com calorosos aplausos.

 

Share
Brasil, Copa SESC, Depoimentos, Eventos, Federação Alagoana, Federações

Organizador do SESC Verão 2020 faz resumo positivo sobre Beach Goalpost

Anderson Teófilo (esq.), organizador do SESC Verão Alagoas

Anderson Teófilo (esq.), organizador

Organizador do SESC Alagoas expõe em primeira mão seu ponto de vista acerca dos resultados obtidos pela Confederação Brasileira de Football Goalpost em parceria com a entidade organizadora

Dono de uma simpatia, esforço e dedicação incríveis, o professor de Educação Física, Anderson Teófilo, é um dos nomes que não se pode esquecer nos eventos de verão do SESC Alagoas. Sendo um dos primeiros a chegar e um dos últimos a sair, Anderson representa muito bem os trabalhos tais quais foi convidado. Prova disto tem sido o sucesso e não apenas do Beach Goalpost, mas de todo o evento SESC num todo.

Anderson destacou em singelas palavras suas considerações acerca da participação do Beach Goalpost em mais uma edição do SESC Verão Alagoas e já firmou parceria para o ano seguinte:

Em nome do Sesc Alagoas, agradecemos a parceira por mais um ano.

O Goalpost é recente em nosso estado e já teve um crescimento muito grande em relação à prática, seja na escola, na praia e praças esportivas, como na divulgação e interesse por crianças, jovens e adultos. Assim, destacamos o Goalpost como um dos destaques na organização e estrutura durante a competição. Com a certeza que o Goalpost fará sucesso, já firmamos a parceria para 2021″, comentou Anderson.

Dentre os resumos do evento, destacam-se as mais diversas matérias que registram e personificam os trabalhos apresentados ao longo das duas semanas de evento onde o beach goalpost foi parte atuante. Confiram abaixo as matérias apenas nesta edição 2020 em ordem dos acontecimentos do mais recente para o mais antigo:

Share
Brasil, Copa SESC, Eventos, Federação Alagoana, Federações, Notícias

Africa United é o grande campeão da II Copa SESC de Beach Goalpost 2020

Comandados pelo capitão Tomás Soque, o time formado exclusivamente por africanos foi superior aos adversários e com um futebol imponente e adaptativo, sagraram-se campeões

Com um total de 6 equipes inscritas para a categoria adulto masculino, equipes como Atlas de Recife, Sport Clima Bom, Irene Garrido, Bayern de Munique, Chelsea e Africa United digladiaram-se nas arenas de beach goalpost montadas na praia de Pajuçara no segundo dia de competições válido pela segunda edição da Copa SESC Verão de Beach Goalpost.

Os jogos foram acontecendo ao longo da manhã e, a cada passo dado, as equipes do Atlas Recife e Africa United foram sendo mais contundentes e vencendo seus adversários. Até que, ao chegarem à grande final, protagonizaram um futebol tenso para ambos, mas com boa efetividade e qualidade, onde os jogadores se entregaram de corpo e alma pelo resultado positivo.

A FINAL – Adulto Masculino – Copa Sesc de Beach Goalpost

Com times completos e cientes das regras, as equipes do Atlas Recife e Africa United (escreve-se sem acento por estar escrito em inglês) deram um show de marcação, posicionamento, técnica e raça. Num jogo pegado, as equipes mantiveram sua personalidade tentando aproveitar as poucas brechas que lhes eram dadas. Foi então que o Africa levou a melhor após uma triangulação de jogada que o camisa 5 Ulilé não perdoou, abrindo o placar e fazendo 1×0.

A equipe do Atlas Recife não deixou barato e aprimorou seu jogo, toque de bola e arriscava mais, mas esbarravam numa boa marcação da defesa, principalmente no gol, onde o capitão Tomás Soque fechava constantemente. O Africa United passou a concentrar seu jogo em manter a vantagem, tocando a bola, mas era pressionado sempre pela equipe adversária que, inteligentemente, adiantou sua marcação e bloqueava as investidas africanas, favorecendo os pernambucanos, pois sob pressão, sobravam mais laterais em favor dos mesmos. Mas como 7 minutos passam rápido, o primeiro set terminou e destinou a vitória para o Africa United pelo placar de 1×0.

Com o intervalo, as equipes pararam para refletir e estudar melhor quais foram suas falhas e, na busca incessante pelo resultado mais expressivo, voltaram com tudo no segundo set.

Precisando do resultado, a equipe do Atlas Recife foi ainda mais intenso na marcação no campo de ataque, mas abriu brechas mínimas, mas que foram suficientes para o armador Fernandes Duarte Jr. (camisa 8) marcar um gol que faria a partida ficar dramática até o apito final. Após isto, a equipe do Africa iniciou uma sessão de faltas coletivas e individuais que foram frustrando os ataques recifenses. A reclamação por parte do Atlas era constante sobre os lances de falta, até que, faltando alguns segundos para o término do set, após uma falta dura do atacante Diop (camisa 7) que já tinha amarelo, foi-lhe dado pelo árbitro Luciano Mota, o segundo cartão amarelo e, consequentemente o vermelho, aplicando também as regras com uma penalidade máxima para o Atlas Recife.

Bastava apenas que o Atlas Recife marcasse o gol no pênalti que o segundo set iria para a cobrança de pênaltis alternados 1 contra 1. Após uma série de reclamações por parte do Atlas, finalmente a cobrança foi autorizada para o capitão da equipe, Rennan que, após um período de concentração foi para a cobrança, mas desperdiçou-a, garantindo assim a vitória da equipe do Africa United pelo placar de 2 sets a 0, parciais de 1×0 e 1×0.

Destaques da Copa SESC de Beach Goalpost

Os destaques ficaram por conta dos atletas Ulilé e Diop (Africa United), além de Rennan (Atlas Recife).

A II Copa SESC de Beach Goalpost 2020 foi um grande sucesso em todas as quatro categorias disputadas, mais precisamente, adulto (masculino e feminino), além de sub-15 e master.

Confiram quem foram os campeões das demais modalidades

 

Share
Brasil, Copa SESC, Eventos, Federação Alagoana, Federações, Notícias

No Master, Liverpool leva a melhor, é campeão e faz história na modalidade

Beach Goalpost Master SESCCopa SESC de Beach Goalpost estreou a categoria master para atletas acima de 40 anos e o resultado nas areias da praia de Pajuçara foi surpreendente com destaque para o Liverpool que sagrou-se campeão da categoria

Vale lembrar que todos os mais de 20 atletas da nova categoria, sem distinção, já fazem parte da história do Football Goalpost em geral por terem participado da competição.

Com a iniciativa da diretoria da Confederação Brasileira de Football Goalpost, juntamente com o professor da Universidade Federal de Alagoas, Shyko Farias, foi dado o pontapé inicial para a estreia da categoria Master. E os atletas, todos convidados especiais do professor Shyko, deram um show, tanto no futebol apresentado quanto na adaptação às regras da modalidade.

Veja também: Manchester fica com o vice campeonato de Master SESC de Beach Goalpost

Com um total de quatro equipes com nomes de equipes europeias, a equipe do Liverpool teve domínio em quase todas as partidas, aproveitando-se de um bom condicionamento físico, mas principalmente das jogadas ensaiadas, o que gerava menos desgaste dos atletas. Com isto, venceram a equipe do Manchester United na grande final pelo placar de 2 sets a 0.

Confira os resultados finais:

  1. Liverpool
  2. Manchester United
  3. Barcelona
  4. Real Madrid
Share